Projeto Sexta Rock retorna ao TJA com temática contrária a violência sofrida por mulheres.

O projeto Sexta Rock retorna ao TJA no próximo dia 30 de junho. Concebido pela Associação Cultural Cearense do Rock (ACR), no início da década de 2000, consolidou-se por seu caráter itinerante, de formação de plateias e difusão de trabalhos de veteranos e novos grupos de Fortaleza, Região Metropolitana ou de diferentes regiões do estado e valorizando causas sociais e políticas.

O projeto possui uma forte ligação com a cidade e seus espaços, o projeto nasceu no antigo Casarão Cultural, sediado na Av. Tristão Gonçalves, onde surgiram diversos eventos como o próprio Sexta Rock, Festival Thrash Core e o ForCaos.

Ocorreu também na “Rua do Fogo” no conhecido Calçadão da ACR, no Monte Castelo. Depois integrou a Rede Musicativa, acontecendo também no Paço Municipal, no Centro Solidário Bom Mix e na cidade de Maracanaú.

Outra característica do projeto é a sua ligação com grupos e entidades que desenvolvem diferentes trabalhos sociais e culturais em nossa cidade, através da arrecadação e doação de livros, alimentos e fundos. Preocupados com a situação de racismo, machismo, homofobia e violência de gênero, que permeiam a sociedade brasileira e reflete na própria cena musical, o projeto selecionou três grupos musicais de Fortaleza, que trazem em suas letras e posturas, temáticas contrárias a essas questões.

Além disso, os três grupos que se apresentam nessa edição são formados por mulheres ou possuem integrantes do sexo feminino. São elas: Conturbo, que tem como front women, Carol Wilson. Outro nome que vem despontando na cena underground local é a Corja, composta por músicos veteranos da cena tendo como vocalista a carismática Haru Cage. Quem encerra a tarde-noite é o Death Metal da Ankerkeria, liderada pela vocalista Joice Lopes. O acesso é gratuito e integra a programação do Programa Sexta de Música do Theatro José de Alencar.

SERVIÇO DO PROJETO

SEXTA ROCK LOCAL: Espaço Boca Rica – Theatro José de Alencar – Rua Liberato Barroso, 525 – Centro

Horário: 18 horas – ENTRADA FRANCA

0